Tuesday, April 10, 2007

Piscadinha

Às vezes acontecem coisas que parecem filme. Seria lindo se fosse uma comédia romântica, mas no meu caso geralmente é comédia pastelão mesmo.

Outro dia cheguei ao bar toda serelepe para comemorar meu aniversário. Depois de um dia de aniversário de extremo mau humor e rabugisse, estava pronta para uma longa e colorida sucessão de coquetéis. Mas já no táxi percebi algo errado com meu olho direito. Um cisco, talvez?

Procurei o maledeto sem sucesso, o que fez meu amigo Rinorino concluir que o cisco já tinha saído, mas tinha irritado meu pobre olhinho.

A história teria ficado por aí mesmo, já que após o terceiro coquetél eu nem lembrava que tinha olho.

Mas quando fui comprar meu primeiro drink, ainda naquela piscação pós-cisco, o barman achou que eu estava paquerando e piscou de volta. E sério. E ainda demorei uns bons minutos para entender que ele não estava reagindo ao meu irresistível charme, mas à minha irresistível piscada.

Daí pra frente, todas as (muitas) vezes que fui ao bar, recebi sorrisinhos cúmplices do rapaz. Pra ser sincera, preferia minha parte em birita grátis!

2 comments:

César Rua said...

Queridíssima! Apesar de ausente e atrasado, um mega ano astral para você! Que saudades! Sua história do cisco foi muito boa. Enfim, mande notícias ou apareça pessoalmente por aqui! Beijooooooos. Cesar Rua

dede said...

guerreira arrasando corações!!!!